quinta-feira, 31 de julho de 2008

João da Costa cresce 12 pontos e encosta em Mendonça

RECIFE – Mais uma pesquisa de intenção de votos para prefeito do Recife foi divulgada na tarde de hoje. Dessa vez, a surpresa foi o crescimento significativo do candidato do PT à Prefeitura do Recife, João da Costa, que começou a campanha com menos de 10% das intenções de voto e hoje tem a preferência de 23% dos entrevistados. Além disso, o petista está tecnicamente empatado com o primeiro colocado nas pesquisas, Mendonça Filho (DEM), que tem 25% das intenções de voto, segundo o levantamento Barômetro Pernambuco, do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe). Como a margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais, os adversários estão no mesmo patamar na preferência dos eleitores recifenses.


De acordo com a pesquisa divulgada em maio deste ano, pelo Barômetro Pernambuco, João da Costa era o candidato a prefeito de 11% dos entrevistados. Segundo a diretora executiva do Ipespe, Marcela Montenegro, o candidato do PT é o único que vem apresentando crescimento importante nas pesquisas. “De maio pra cá, os outros candidatos apenas oscilaram na margem de erro da pesquisa. O único que apresentou crescimento expressivo foi João da Costa”, ressaltou. Para a pesquisadora, o crescimento de 12% de João da Costa nas intenções de votos se deve ao início das campanhas nas ruas. “O candidato está andando pelos bairros, as pessoas estão o conhecendo”, afirmou.


No levantamento, quem aparece em terceiro lugar é o deputado federal Carlos Eduardo Cadoca (PSC), com 19% das intenções de votos. Na pesquisa de maio, o social-cristão teve um índice de 22%. Logo em seguida, vem o também deputado federal Raul Henry (PMDB), com 5%. Em relação à pesquisa anterior, Henry caiu 1% na pesquisa. Edílson Silva (PSOL) e Kátia Telles (PSTU) apresentaram 1% das intenções de voto cada. Já o candidato do PCB, Roberto Numeriano, não atingiu o número de intenções necessárias para apresentar percentuais. A pesquisa entrevistou mil pessoas, entre os dias 26 e 28 de julho, no Recife.
Editorial
Para a pesquisadora é uma surpresa, para quem conhece o Recife é uma constastação, contra fatos não há argumentos.

Agenda da Frente de Esquerda (João da Costa)

Quinta-feira, 31 de julho
15:00

Entrega da Plataforma do Fórum de Reforma Urbana para os candidatos.
Centro Social da Soledade.
17:00
Caminhada no Córrego São Sebastião.
Concentração: Terminal de ônibus do Córrego de São Sebastião.
Final: antigo pátio da feira de Água Fria.

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Inscrições para o Exame Supletivo 2008 se encerram neste domingo

Os interessados em participar da seleção do Exame Supletivo 2008 têm até o próximo domingo (03) para se inscreverem exclusivamente pelo site da Secretaria, no www.educacao.pe.gov.br. Em caso de dúvidas, os candidatos podem procurar uma das 17 Gerências Regionais de Educação (GREs) de todo o Estado.

O exame é aplicado na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA) para o ensino fundamental e médio. Podem se inscrever aqueles que fizeram curso supletivo ou mesmo estudam em casa. Para fazer a prova do nível fundamental, o candidato deve ter, no mínimo, 15 anos até dia 19 de outubro, data de realização das provas. Para o ensino médio, a idade mínima é 18 anos. Os aprovados recebem a certificação da secretaria de Educação.

Portos de Suape e Recife inscrevem para seleção pública

Estão abertas as inscrições para uma seleção pública de trabalhadores portuários avulsos multifuncionais em Pernambuco. As oportunidades de trabalho são para os Portos de Recife e de Suape, de acordo com as demandas de cada um. Serão abertas 400 vagas para o cadastro dos dois Órgãos Gestores de Mão-de-Obra do Trabalho Portuário - 250 para inscrição imediata e 150 para formação de cadastro de reserva.

Os candidatos aprovados iniciarão com atividades de estivador e também de arrumador e carga, mas terão oportunidade de passar por cursos de formação para aperfeiçoamento profissional, podendo assim se habilitar a exercer atividades de conferente de cargas, operador de equipamentos entre outras funções.

As inscrições podem ser feitas até o dia 17 de agosto exclusivamente pela internet, através do site da empresa organizadora da seleção (www.sismeta.com.br). A taxa de inscrição é de R$ 55 e a aplicação da prova objetiva está prevista para o dia 31 de agosto.

Provas

Os interessados devem ter ensino médio completo e serão submetidos a uma prova objetiva com questões de língua portuguesa, matemática e raciocínio lógico, que está prevista para o dia 31 de agosto e tem caráter classificatório e eliminatório. Os aprovados passarão, ainda, por uma prova de aptidão física, exame médico e avaliação psicológica. O edital completo e o formulário para inscrição estão disponíveis no site www.sismeta.com.br.

TSE registra mais de 375 mil candidaturas em todo o País

Até as 20h da terça foram registrados em todo o país mais de 375.655 pedidos de candidatura para as Eleições Municipais 2008. São 15.241 pedidos de candidatura para prefeito, 15.285 para vice-prefeito e 345.129 para o cargo de vereador. Os números ainda podem ser alterados pela inserção de dados pelos cartórios eleitorais. As regras para a escolha e o registro das candidaturas estão estabelecidas na Resolução 22.717/2008 do TSE.
A Resolução 22.717/2008 determina desde o tamanho e o tipo da foto que constará na urna eletrônica e o nome do candidato, que não poderá exceder 30 caracteres, até as formas de proceder o registro e de recorrer caso ele seja negado em primeira instância.
"Impugnado"
Há casos em que o candidato aparece no Sistema de Divugação de Candidaturas do TSE como "impugnado". Isso significa que podem existir erros ou informações pessoais, partidárias ou financeiras incompletas prestadas ainda em primeira instância à Justiça Eleitoral. Se o candidato não corrigir tais informações, a candidatura dele dependerá de decisão judicial para ter validade.
São alguns dos motivos para a rejeição de uma candidatura, segundo a resolução: o preenchimento incorreto do Requerimento de Registro de Candidatura (RRC), a falta de declaração de bens atualizada, de comprovante de escolaridade e de outros documentos como as certidões criminais fornecidas pela Justiça.
A legislação estabelece ainda que dados dos candidatos são de responsabilidade deles próprios, cabendo ao Tribunal Superior Eleitoral apenas consolidar o material recebido dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).
O registro das candidaturas é feito nos cartórios eleitorais e deve utilizar obrigatoriamente o Sistema de Candidaturas (CAND) desenvolvido pelo TSE. A situação dos pedidos de registro de candidatos pode ser acompanhada na página do TSE na internet em Divulgação de Candidaturas.
Prazos
Até o próximo dia 16 de agosto todos os registros de candidatos, mesmo impugnados, feitos nos cartórios eleitorais devem estar julgados e publicados na imprensa oficial. Caso o pedido seja rejeitado, qualquer candidato, partido, coligação ou o Ministério Público Eleitoral (MPE) pode recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que tem até o dia 6 de setembro para julgar e publicar a decisão sobre o processo. Se ainda assim for negado o registro, cabe recurso ao TSE que, de acordo com a Resolução 22.717 e o artigo 3º da LC 64/90 (Lei das Inelegibilidades) tem até o dia 25 de setembro para tomar a decisão final sobre a validade da candidatura.

Prestação de contas parcial pode ser feita pela internet a partir de 1º de agosto

A partir da próxima sexta-feira (1º) os partidos políticos e candidatos nas eleições municipais de 2008 já podem baixar no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o sistema para a prestação de contas de campanha.

De acordo com a Resolução 22.715 do TSE, essa primeira prestação de contas parcial deve ser feira até o dia 6 de agosto, com informações dos recursos recebidos para financiamento durante a campanha e também os gastos realizados.
Para as eleições de 2008, o TSE implantou inovações a fim de facilitar o procedimento e evitar fraudes nas prestações de contas de campanha. Pela primeira vez, a entrega será feita por meio da internet em um sistema parecido com o da Receita Federal para a entrega da declaração de imposto de renda. Esse sistema estará disponível a partir da próxima sexta-feira no site www.tse.gov.br.
Com essa inovação, os responsáveis pelas contas de campanha precisam apenas preencher os dados até o dia 6 de agosto e encaminhá-los à Justiça, sem a necessidade de mandar um arquivo em mídia. De acordo com Wladimir Caetano, da Secretaria de Controle Interno e Auditoria do TSE, o procedimento vai evitar que os cerca de 400 mil candidatos corram aos cartórios para entregar os documentos, o que “poderia incorrer em atrasos na divulgação das informações”, afirma.
Extratos eletrônicos
Outra novidades para essas eleições é um acordo assinado entre o TSE e o Banco Central que permite que as informações sobre a movimentação financeira dos candidatos chegue diretamente ao tribunal. O banco vai enviar dois tipos de arquivo. O primeiro é um extrato bancário e o segundo é um arquivo eletrônico contendo a identificação da origem de todos os créditos que entraram na conta. O arquivo também informa os débitos acima de mil reais. Isso vai evitar que haja fraude em extratos, como já ocorreu em eleições anteriores.
Sobra de campanha
Os recursos arrecadados e que não foram gastos, chamados sobra de campanha, devem ser devolvidos ao partido. A partir destas eleições, a devolução deverá ser comprovada no dia da prestação de contas definitiva, que ocorre trinta dias após as eleições (4 de novembro em relação ao primeiro turno e 25 de novembro no caso de haver segundo turno). Antes, os candidatos não precisavam comprovar a entrega até que as contas fossem julgadas.
CNPJ
Por último, o TSE determinou que o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), exigido na abertura de conta para arrecadar recursos, tenha validade até o dia 31 de dezembro. Antes, esse CNPJ permanecia aberto indefinidamente.

CM/BA

segunda-feira, 28 de julho de 2008

As palavras do Senhor são palavras puras, como prata refinada numa fornalha de barro, purificada sete vezes. Sl 12:6

Tricolor empata e avança à segunda fase da Série C

Não foi o final de filme esperado pela platéia presente, mas o empate em 1x1, contra o Campinense/PB, ontem, no Arruda, foi comemorado como uma conquista de campeonato pelos torcedores corais, já que além de valer a classificação do Santa Cruz para a segunda fase do Brasileiro da Série C, também afastou, temporariamente, o fantasma da Série D. Na outra partida válida pelo Grupo 5, ontem, o Potiguar não tomou conhecimento do Central e venceu por 3x0.

Com esses resultados, a Raposa da Paraíba se classificou como líder da chave (11), com o Santa Cruz passando como vice (oito). Na próxima fase, as duas equipes se juntam a Salgueiro e Icasa/CE, formando o Grupo 19 da competição, com os dois melhores passando à terceira fase para, enfim, garantir-se na Série C e continuar sonhando com o retorno à Segundona. No próximo domingo, a Cobra Coral já enfrenta o Carcará, pela rodada de abertura da segunda etapa.

Em relação à partida de ontem, mesmo classificado, os paraibanos mostraram desde o início que não vieram ao Recife a passeio. É bem verdade que, aproveitando o apoio de sua torcida, o Tricolor iniciou o confronto a todo vapor, com Alexandre Oliveira e Cléo tendo boas chances de abrir o placar. Aos 16 minutos, após grande tabela de Edmundo e Alexandre, Juninho recebeu de frente para o goleiro, mas bateu para fora. Aos 31, Cléo ficou cara a cara com a meta, teve calma para dominar, mas bateu em cima do goleiro. Provando não ter se abalado com a pressão, aos 35 minutos, os visitantes mandaram a bola no travessão de Glédson, com o lateral Raí.

Na etapa final, o ritmo da partida caiu e o Campinense passou a gostar mais do jogo. Tanto que logo aos 11 minutos, num vacilo do goleiro Glédson, Washington cobrou falta para abrir o marcador. Querendo a vitória, Bagé colocou Miller e Bruno, no lugar de Patrick e Gedeíl. Com as modificações, o Santa Cruz passou a agredir mais o adversário. O resultado veio aos 27 minutos: Rafael Mineiro entrou sozinho na área e sofreu pênalti. Edmundo bateu com categoria e garantiu o empate.
Ficha Técnica
Santa Cruz

Glédson; Rafael Mineiro, Gonçalves, Stanley e Marcos Vinícius; Alexandre Oliveira, Gedeíl (Bruno), Juninho e Cléo (Garrinchinha); Patrick (Miller) e Edmundo. Técnico: Bagé
Campinense
Pantera; Fábio, Jádson, Ricardo e Raí; Charles Wagner, Fabiano Silva (Mossoró), Elvis (Barata) e Washington; Marabá e Paulinho Macaíba (Jean). Técnico: Freitas Nascimento


Local: Arruda

Árbitro: Antônio Hora Filho (SE)
Assistentes: Élan Vieira e João Albert (ambos de PE)
Gols: Washington (aos 12 minutos do 2°T) e Edmundo (aos 28 do 2°T)Cartões amarelos:
Marcos Vinícius e Stanley (Santa); Fabiano Silva, Charles Wagner e Raí
(Campinense)

Público: 21.201

Renda: R$ 44.920

Procuradores e juízes são contra inviolabilidade absoluta de escritórios de advogados

Brasília - No comando de uma campanha contra a sanção do projeto de lei que proíbe o cumprimento de mandados de busca e apreensão em escritórios de advocacia, representantes de entidades do Ministério Público e da magistratura disseram hoje (28), após se reunirem com o ministro da Justiça, Tarso Genro, que a proposta extrapola as garantias necessárias ao trabalho dos advogados.

“Essa modificação pode dar ao escritório de advocacia uma inviolabilidade muito maior do que a do domicílio do cidadão. Isso é mau para um bom advogado, e não será bom para a sociedade brasileira, no momento em que estamos lutando para combater a impunidade do país”, afirmou o presidente da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp), José Carlos Cosenzo.

“A legislação existente já protege a relação entre o cliente e o seu advogado. O que não se pode fazer é estabelecer uma imunidade absoluta, que não tem respaldo na Constituição”, reforçou o presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), Fernando de Mattos.

Na visão da Ajufe, a eventual sanção do projeto aprovado no Congresso Nacional implicaria em mais riscos ao exercício profissional da defesa.
“Serviria como instrumento de pressão sobre os bons advogados, porque os criminosos passariam a tentar se valer da inviolabilidade dos escritórios para esconderem provas”, alertou de Mattos.

Pelas normas vigentes, as buscas e apreensões em escritórios de advocacia podem ser feitas pela polícia se amparadas por despacho do juiz responsável pelo inquérito.

O presidente da República ainda não decidiu se irá sancionar o projeto de lei que amplia a inviolabilidade dos escritórios de advocacias.

O presidente, que tem até o dia 11 de agosto para a sanção, aguarda a conclusão de estudos sobre o tema feitos pelo Ministério da Justiça, para tomar uma decisão.
Editorial
Os Magistrados e Procuradores tem suas imunidades, mais, nenhum abrem mãos destas por que um profissional do Direito, tem que ser atormentado no seu ambiente de Trabalho ao bel prazer destes?

sábado, 26 de julho de 2008

João Paulo obtém 58% de aprovação na Datafolha

A gestão do prefeito de Recife, João Paulo (PT), é considerada ótima ou boa por 58% dos eleitores da cidade, segundo pesquisa Datafolha realizada nos dias 23 e 24 deste mês. O índice é equivalente ao obtido em novembro de 2007, quando 55% dos entrevistados aprovaram a administração. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Segundo o levantamento, nesses oito meses, a parcela de eleitores que avalia a gestão como ruim ou péssima caiu de 17% para 12%. A avaliação regular oscilou de 26%, no final de 2007, para 29%.

A aprovação a João Paulo, que neste ano completa seu segundo mandato consecutivo, é maior nas classes D e E (64%). Em uma escala de zero a dez, o petista obteve nota média de 7,2 dos entrevistados. Para realizar a pesquisa, o Datafolha entrevistou 831 eleitores de Recife com 16 anos ou mais.
Editorial
Imaginem que será o sucessor de João Paulo, é claro que é João também. Em time que estar ganhado não se meche.

Cadela salva recém-nascido abandonado em MG

Um recém-nascido foi salvo na madrugada de hoje por uma cadela após ter sido abandonado em um lote vago na cidade de Santo Antônio do Monte, região centro-oeste de Minas Gerais, a 185 quilômetros de Belo Horizonte. A cadela mestiça Xuxa se tornou a atração do bairro Nossa Senhora de Fátima por ter encontrado e arrastado até a calçada a caixa de papelão em que o bebê estava. O menino foi encontrado sujo de sangue e ainda com o cordão umbilical.


De acordo com vizinhos, a dona da cadela, Maria Luzia Campos, de 27 anos, acordou com os latidos do animal. Estranhando o comportamento de Xuxa, a mulher decidiu abrir o portão. A cadela saiu em disparada, atravessou a rua e entrou no lote vago, de onde saiu puxando pela boca e empurrando com o focinho a caixa de papelão. Quando percebeu que se tratava de uma criança, Maria Luzia chamou o vizinho Valdeci Antônio da Silva, de 35 anos, que acionou a Polícia Militar (PM).


Na opinião de Valdeci, a ação da cadela foi providencial para a sobrevivência do bebê. "A gente não sabe quanto tempo a criança ficou lá no sereno. Estava bem frio aqui e se não fosse a cadela, não tínhamos achado naquela hora e ela podia não ter sobrevivido", disse. Maria Luzia contou que só quando chegou perto da caixa de papelão conseguiu escutar o choro do recém-nascido.


O bebê foi levado para a Santa Casa da cidade, onde permanecia internado. Seu estado de saúde é considerado estável, segundo a psicóloga Janaína Machado. O recém-nascido chegou ao hospital com 44 centímetros e pesando 2,620 quilos. Ele passou por uma incubadora e depois foi colocado em um berço aquecido. O menino passará por todos os exames clínicos e iniciou uma dieta nutricional. A Polícia Civil informou que vai instaurar inquérito para investigar o caso. Não há informações sobre o paradeiro da mãe.

Fonte:http://noticias.br.msn.com/artigo.aspx?cp-documentID=8815878#toolbar

Santa iria escalar atleta irregular

Com todas as atenções para a “decisão” de amanhã, diante do Campinense, no Arruda, o Santa Cruz concentrou tanto suas forças para não falhar dentro de campo que quase acabou cometendo um equívoco histórico fora dele, que culminaria com a eliminação da equipe do Brasileiro da Série C, por conta da perda de seis pontos. Anunciado como novo reforço coral no início da semana, o volante Marcos Mendes chegou ao Arruda com toda a moral de ser uma indicação pessoal do treinador coral, Bagé, que, por sua vez, sempre comentou que estava apenas esperando a regularização dos documentos do atleta para poder escalá-lo. Porém, por total descuido do Departamento de Futebol do clube, ninguém percebeu que o jogador já havia assinado contrato com três clubes neste ano (Salgueiro, Icasa/CE e Ceará), portanto, segundo as normas da CBF, ele não pode mais atuar por nenhum clube brasileiro nesta temporada.

Após enviar toda a documentação do volante para a entidade maior do futebol nacional na última segunda, a mesma enviou um documento, ontem, informando sobre a impossibilidade do jogador atuar pelo Mais Querido. Antes do treinamento de ontem à tarde, no Centro de Treinamento do Intercontinental, Marcos, que já se preparava para atuar entre os titulares no coletivo, foi comunicado sobre a situação pelo gerente de futebol, Flávio Lira, e deixou o gramado bastante chateado com a situação, já não fazendo mais parte do elenco coral. “É uma pena. Contava com a ajuda do Marcos, tanto que ele iria estrear neste domingo”, disse Bagé.

E enquanto uns se despedem, outros se preparam para chegar. A diretoria tricolor anunciou a contratação do lateral-esquerdo Camilo, 26 anos. O atleta estava no Souza/PB e chega para suprir um setor carente da equipe, já que o lateral-direito Marcos Vinícius vem sendo improvisado na função.

DESCULPAS
Após a polêmica em cima do volante Alexandre Oliveira e as suas declarações sobre o pênalti perdido por Marco Antônio, no empate entre Central e Santa Cruz, na última quarta-feira, o jogador coral disse que conseguiu entrar em contato com o atacante centralino, ontem, e lhe pediu desculpas, explicando que a sua intenção não era prejudicar ninguém. Segundo ele, Marco entendeu a situação e o perdoou, pedindo apenas para ele ter mais cuidado na hora de falar de outros atletas com a Imprensa.
Editorial

Quando será que esta Diretoria vai cria juízo?

Lula diz que lei é para todos sobre projeto que torna escritório de advocacia inviolável

Lisboa (Portugal) - “A lei no Brasil vale para todos” foi a resposta do presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao ser indagado se sancionará o projeto aprovado no início do mês, pelo Senado, que impede investigações criminais em escritórios de advocacia.

O presidente afirmou que ainda não analisou o projeto e que esse trabalho está, no momento, sendo feito pela Casa Civil. Segundo ele, cada ministro, cuja pasta tiver pertinência com o tema, vai dar um parecer sobre o projeto.

Lula fez os comentários em entrevista coletiva, ontem (25), na sede da Embaixada Brasileira em Portugal. “Se [a lei] vale para o presidente da República, vale para algum jornalista, tem que valer para a OAB também”, disse o presidente referindo-se à Ordem dos Advogados do Brasil, entidade autora da proposta que tramitou no Congresso Nacional.

Encaminhado ao Palácio do Planalto na terça-feira (22), o texto modifica o estatuto da advocacia brasileiro. Pelo projeto, os escritórios de advocacia não podem mais ser alvo de busca e apreensão, mesmo que por ordem judicial. Fica proibido também a utilização de documentos e objetos de clientes do advogado investigado.

Ontem à tarde, pelo horário de Brasília, o presidente participou da cerimônia de entrega do Prêmio Luiz de Camões ao escritor Antonio Lobo Antunes, realizado no Mosteiro dos Jerônimos.

Depois de uma viagem de três dias a Portugal, onde participou da 7ª Conferência de Chefes de Estado e de Governo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, em Lisboa, e de anunciar a implantação de duas fábricas da Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer), o presidente Lula retorna hoje (26) para o Brasil.
Editorial

É um absurdo o que as Polícias Federais, Estaduais, vem fazendo com autorização ou na da Justiça, a invasão de escritórios de Advocacias, a OAB esta de parabéns!!

Dezessete anos depois, lei de cotas para deficientes é aplicada só com ação fiscal

Brasília - Há 17 anos, uma lei que até hoje não é plenamente respeitada entrava em vigor, a que determina cotas para pessoas com deficiência em empresas com mais de 100 funcionários.

A data de aniversário de sua promulgação, ontem (25), foi lembrada pelo assessor de fiscalização do trabalho do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), Rogério Reis, embora admitindo que as empresas ainda não têm cumprido completamente as cotas – especialmente as públicas, onde a contratação é feita por concurso e a rotatividade de funcionários é baixa.

“As empresas não têm cumprido [a lei] ainda na sua integralidade. Tanto é que temos feito a inserção dessas pessoas no mercado de trabalho mediante ação fiscal”, disse Reis.

Segundo ele, apesar da lei vigorar desde 1991, só em 2000 a fiscalização passou a ser feita e, só em 2005, se tornou obrigatória no planejamento das regionais do ministério.

Reis diz que a fiscalização desde então tem sido intensa. Em 2007, foram 22.314 pessoas inseridas no mercado de trabalho por meio autuações da fiscalização. Este ano, até junho, foram 11.139.

“A meta é fazer com que todas as empresas cumpram a cota. Mas nós queremos pelo menos manter o mesmo número do ano passado”, observou.

Quando indagado se o próprio ministério do trabalho cumpre a cota, ele explicou que, assim como outros órgãos, os empregados do MTE são regidos pela lei 8.112 e não pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e que, por isso, segue um regime de cotas diferente.

“Essa lei de cotas só vale para a CLT. No caso dos ministérios e outros órgãos que são regidos pela 8.112, existem cotas 20% para pessoas com deficiência nos concursos públicos”.

A lei faz uma graduação que vai de 2% a 5% de cotas dependendo do número de empregados.

CartaCapital. Um peso, duas medidas.

Expedito Júnior se mantém no senado, apesar de cassado
Uma maneira de interpretar uma decisão de Versiani, do TSE: comprar votos pode, desde que não altere o resultado da eleição.

Uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) leva a crer que, de agora em diante, o Brasil terá duas categorias de crime eleitoral: os que mudam o resultado da eleição e os que, apesar de comprovados, são tolerados por não fazer número ante as urnas. O senador Expedito Júnior, do PR de Rondônia, obteve, na segunda-feira 28, outra decisão liminar contra a cassação do mandato, impugnado por unanimidade pelo Tribunal Regional Eleitoral do estado.

Ele é acusado de fazer parte de um esquema de compra de votos, do qual participariam também o governador Ivo Cassol (PPS), reeleito, e candidatos a deputado estadual. A denúncia do Ministério Público aponta que 958 funcionários da empresa Rocha Segurança Vigilância Ltda., de um irmão do senador, receberam 100 reais cada um para trabalhar como "formiguinhas" - cabos eleitorais - e, obviamente, contribuir com seu voto (CartaCapital, edição 444).

No entender do ministro Arnaldo Versiani, do TSE, que assina a decisão a favor do senador, "embora o TRE-RO tenha se baseado em provas aparentemente fortes da prática de corrupção, não ficou demonstrado que os atos influenciaram o resultado da eleição, nem ao menos que tais atos se tenham espraiado para além da empresa de vigilância, onde teriam sido comprados os votos".

Versiani considerou ainda que "a suposta captação de votos de menos de mil eleitores não pode alterar o resultado final da eleição para o cargo de senador da República em Rondônia, pois a diferença de votação teria sido de quase 60 mil votos". Entre as provas consideradas pelo TRE estão depoimentos de vigilantes que receberam o dinheiro - usados pelo MP para pedir, inclusive, a cassação do diploma de Ivo Cassol. Enquanto aguarda o julgamento do recurso ordinário contra a decisão do TRE, que pode, enfim, selar seu destino, Expedito Júnior dá continuidade ao trabalho no Legislativo. E chama atenção, em sua página na internet, para a cruzada contra a corrupção, com um projeto de lei que prevê a cassação da aposentadoria do deputado ou senador que for condenado por desvios de recursos públicos.

TSE libera candidatos cearenses de teste de escolaridade

Pela primeira vez nas eleições 2008 o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) concedeu liminar para liberar candidatos de fazerem teste de escolaridade.
A decisão foi em favor dos candidatos a vereador no município de Jaguaribe (CE) José Rodrigues Peixoto, Geraldo Diógenes Pinheiro, Francisco Dantas Pinheiro, Sebastião Bezerra de Lima e José Bezerra de Lima.

O registro de candidatura dos cinco foi negado, a pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE), pelo juiz eleitoral do município, que determinou a realização de avaliação para verificar se eram alfabetizados. O teste deveria ser feito “de forma individual e reservadamente” já no próximo dia 28 de julho.

Os candidatos recorreram diretamente ao TSE, sem passar pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) porque a alegação é de que a decisão desrespeita o entendimento da Corte no sentido de que o teste de escolaridade pode comprometer a reputação dos pré-candidatos, que acabam expostos a situação degradante. O TSE já decidiu em favor destes mesmo candidatos nas eleições de 2004.DecisãoO ministro Arnaldo Versiani (foto) destacou que os argumentos trazidos na ação (Reclamação 492) são relevantes e lembrou dos processos semelhantes que já foram julgados pelo TSE (Reclamações 318, 321 e 327).

Em sua decisão ele afirmou que esses candidatos, ou quase todos eles, já concorreram às eleições de 2004, o que torna “descabido submetê-los à citada avaliação”. Com esse entendimento, o ministro Versiani suspendeu a realização das provas marcadas para a próxima segunda-feira.

CM/BA

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Agenda da Frente de Esquerda (sábado e domingo)

Sábado, 26 de julho
10:00
Caminhada em Brasília Teimosa.
Concentração em frente ao posto policial do Pina (próximo do edifício JCPM). Encerramento: Buraco da Véia.
16:00
Caminhada na Vila das Crianças - UR1.
Concentração na sede da Associação de Moradores

Domingo, 27 de julho
09:00

Carreata Zona Sul.
Concentração Av Agamenon Magalhães em frente à Embratel. Dispersão: Praça do Jordão.

Pesquisa Datafolha revela que João da Costa dispara na sucessão

Pesquisa de intenção de votos Datafolha, publicada na Folha de São Paulo, hoje (25 de julho), mostra o seguinte quadro:

30% Mendonça (DEM);
22% Cadoca (PSC);

22% João da Costa (PT).

O candidato que tem a maior rejeição é Cadoca, com 29% dos entrevistados disseram que não votariam nele de nenhum jeito.

O Datafolha coletou 831 eleitores com mais de 16 anos. Raul Henry (PMDB), com 7%; Kátia Telles (PSTU), Roberto Numeriano (PCB) e Edílson Silva (PSOL) foram citados por 1% dos entrevistados cada um; branco/nulo/nenhum: 8%; não sabe: 8%.

João da Costa já é o segundo colocado nas pesquisas, apontando um crescimento continuo, o que hoje figura como 1º lugar estacionou no tempo. A tendência e seguir exemplos de outras eleições, desta forma, em breve teremos uma disputa polarizada, entre João da Costa (PT) e Mendonça Filho (DEM).

quinta-feira, 24 de julho de 2008

TSE registra mais de 375 mil candidaturas em todo o País

Até as 20h da terça foram registrados em todo o país mais de 375.655 pedidos de candidatura para as Eleições Municipais 2008. São 15.241 pedidos de candidatura para prefeito, 15.285 para vice-prefeito e 345.129 para o cargo de vereador. Os números ainda podem ser alterados pela inserção de dados pelos cartórios eleitorais. As regras para a escolha e o registro das candidaturas estão estabelecidas na Resolução 22.717/2008 do TSE.


A Resolução 22.717/2008 determina desde o tamanho e o tipo da foto que constará na urna eletrônica e o nome do candidato, que não poderá exceder 30 caracteres, até as formas de proceder o registro e de recorrer caso ele seja negado em primeira instância.


"Impugnado"


Há casos em que o candidato aparece no Sistema de Divugação de Candidaturas do TSE como "impugnado". Isso significa que podem existir erros ou informações pessoais, partidárias ou financeiras incompletas prestadas ainda em primeira instância à Justiça Eleitoral. Se o candidato não corrigir tais informações, a candidatura dele dependerá de decisão judicial para ter validade.


São alguns dos motivos para a rejeição de uma candidatura, segundo a resolução: o preenchimento incorreto do Requerimento de Registro de Candidatura (RRC), a falta de declaração de bens atualizada, de comprovante de escolaridade e de outros documentos como as certidões criminais fornecidas pela Justiça.


A legislação estabelece ainda que dados dos candidatos são de responsabilidade deles próprios, cabendo ao Tribunal Superior Eleitoral apenas consolidar o material recebido dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).


O registro das candidaturas é feito nos cartórios eleitorais e deve utilizar obrigatoriamente o Sistema de Candidaturas (CAND) desenvolvido pelo TSE. A situação dos pedidos de registro de candidatos pode ser acompanhada na página do TSE na internet em Divulgação de Candidaturas.


Prazos


Até o próximo dia 16 de agosto todos os registros de candidatos, mesmo impugnados, feitos nos cartórios eleitorais devem estar julgados e publicados na imprensa oficial. Caso o pedido seja rejeitado, qualquer candidato, partido, coligação ou o Ministério Público Eleitoral (MPE) pode recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que tem até o dia 6 de setembro para julgar e publicar a decisão sobre o processo. Se ainda assim for negado o registro, cabe recurso ao TSE que, de acordo com a Resolução 22.717 e o artigo 3º da LC 64/90 (Lei das Inelegibilidades) tem até o dia 25 de setembro para tomar a decisão final sobre a validade da candidatura.


Santa passa sufoco, mas segura 0x0

Não foi à toa que a torcida do Santa Cruz comemorou o empate em 0x0 com o Central, ontem, no Luiz Lacerda, em Caruaru, como se fosse uma vitória. Além das circunstâncias da partida - a Patativa desperdiçou um pênalti no segundo tempo -, com esse resultado, o Tricolor só depende de suas próprias forças para passar à fase seguinte do Brasileiro da Série C. Com sete pontos, em segundo lugar no Grupo 5, a equipe coral joga seu destino na competição em casa, domingo, contra o Campinense/PB, precisando da vitória. O detalhe é que o time paraibano, com dez pontos, garantiu-se na etapa seguinte com uma vitória de 6x2 sobre o Potiguar, lanterna com quatro. A Patativa tem seis.

Como se esperava, Santa Cruz e Central fizeram um primeiro tempo bastante nervoso, com muitas faltas e poucas oportunidades de gol. O Tricolor assustava principalmente com o atacante Edmundo, responsável pelas duas principais chances da etapa inicial. A primeira aos 17 minutos e a segunda aos 34. A Patativa chegava perigosamente através das bolas paradas.


O técnico coral Bagé optou por uma formação mais cautelosa, com três volantes, mas, aos 31, resolveu mudar. Tirou Memo para colocar o atacante Cléo. De cara, a alteração levou o Santa Cruz para frente, porém, tudo foi por água abaixo quando o zagueiro Wequisley, aos 38, fez falta dura em Cláudio e acabou expulso.


O Santa Cruz até que tentou voltar com tudo no segundo tempo, esquecendo a vantagem numérica do adversário. Foi para cima e pelo menos conseguiu deixar o jogo parelho. Aos 18, a tensão tomou conta da torcida coral. Gonçalves fez pênalti em Marco Antônio. O próprio atacante, ex-Náutico, Santa Cruz e Sport, partiu para a cobrança, mas mandou para fora de maneira bisonha.


E o lá e cá continuou. Aos 21, Edmundo acertou a trave de Davi. Três minutos depois, veio o troco. Marco Antônio tabelou com Márcio e finalizou com força no travessão de Glédson. Aos 27, os times voltaram a ficar em igualdade numérica. Márcio fez falta forte e como já tinha amarelo foi expulso.


Se já encarava a partida com bastante determinação, agora o Tricolor foi com tudo em busca da vitória. Com isso, a equipe coral ficou exposta aos contra-ataques do Central, que também chegava perigosamente. Os avanços, porém, passaram a ser feitos de maneira desordenada, e o empate persistiu até o apito final.


Central

Davi; Jamesson (Tony), William Paraná, Bebeto e Gaspar (João Neto); Neto, Doda, Márcio e Aílton; Cláudio e Marco Antônio (Gil)Técnico: Marcelo Vilar


Santa Cruz

Glédson; Rafael Mineiro, Wequisley, Gonçalves e Marcos Vinícius; Alexandre Oliveira, Gedeíl, Memo (Cléo) e Juninho; Patrick (Bruno) e Edmundo (Gilberto)Técnico: BagéLocal:

LacerdãoÁrbitro: Arílson Bispo (BA)

Assistentes: Pedro Jorge dos Santos (AL) e Ivaney Alves de Lima (SE)Cartões amarelos: Cláudio, João Neto (C) e Marcos Vinícius (SC)Cartões Vermelhos: Wequisley (SC) e Márcio (C)Público: 10.941

Renda: R$ 58.940,00

Inscrições para curso sobre controle social de gastos públicos vão até dia 31

Brasília - Quem se interessa em aprender como participar do controle dos gastos do governo tem até o próximo dia 31 para se inscrever no curso a distância sobre controle social, promovido pela Controladoria-Geral da União (CGU) em parceria com a Escola de Administração Fazendária (Esaf).

As aulas serão ministradas pela internet, entre os dias 4 de agosto e 5 de setembro. Para participar é necessário somente ter um endereço de e-mail e conhecimentos básicos de informática. O curso será composto por 40 aulas, divididas em três módulos: a participação popular no Estado brasileiro, o controle das ações governamentais e o encaminhamento de denúncias aos órgãos responsáveis.

Estão sendo oferecidas 1,5 mil vagas, em 40 turmas. As inscrições devem ser feitas pelo site da Esaf. Para mais informações, os interessados devem entrar em contato pelos telefones (61) 3412-6283 ou 3412-6164 ou pelos endereços eletrônicos ead.esaf9@fazenda.gov.br ou ead.esaf3@fazenda.gov.br.

FRENTE DE ESQUERDA (João da Coata)

Dia 24 de Julho
07:30
Entrevista Rádio Olinda.
Rádio Olinda.
08:30
Café da manhã das mulheres da região da Caxangá.
Clube dos Servidores Municipais Rua Francisco de Paula, 79 (ao lado do posto de saúde Olímpio de Oliveira) – Caxangá.
10:00
Visita Reitor da UPE, Carlos Calado.
Reitoria, Av. Agamenon Magalhães, s/n (em frente ao Ministério do Trabalho) - Santo Amaro.
19:00
Inauguração do Comitê Central
João de Barros nº 580, esquina com a Mário Melo (vizinho ao Conservatório de Musica)

quarta-feira, 23 de julho de 2008

Reunião do PT do B de Ibimirim com Candidatos a Vereadores(as)

Comissão Municipal do Partido Trabalhista do Brasil – PT do B do Município de Ibimirim, recebe a visita da Direção Estadual do Partido, que vai a reunião com Candidatos(as) esclarecer pontos a cerca da Legislação Eleitoral, e ao mesmo tempo trocar idéias, adquirindo conhecimentos.
Os Candidatos(as) a Vereadores(as) discutiram sobre todos os temas, prestação de contas, propaganda eleitoral, crescimento do Partido no Estado, crescimento do PT do B a nível Nacional, entre outros assuntos, foi um momento muito rico.
A Comissão Regional saiu de Ibimirim com a certeza que elegerá 2 (dois) Vereadores no Município, que estar apoiando o Padre Marcos, é um Prefeito popular e vem realizando uma excelente administração, e com certeza dará continuidade ao seu trabalho com a ajuda dos futuros Parlamentares do PT do B.

Santa Cruz decide seu destino

Com todos os ingredientes de final de campeonato, o duelo entre Central e Santa Cruz, hoje, às 20h30, no Lacerdão, promete fazer Caruaru tremer. Com os bastidores da partida já pegando fogo desde o início da semana, a torcida coral promete invadir a Capital do Forró, na partida que pode selar o destino das duas equipes no Campeonato Brasileiro da Série C.

Mostrando claramente o clima de “decisão” que já tomou conta do confronto de logo mais, o Alvinegro solicitou e conseguiu a escalação de um árbitro de fora do Estado para apitar o jogo, alegando uma fraca atuação do pernambucano Emerson Sobral na derrota sofrida no Arruda, na segunda rodada da Terceirona. A atitude acabou gerando um mal-estar com o próprio Tricolor e até mesmo com a Federação Pernambucana de Futebol (FPF). Em relação à tábua de classificação, o Mais Querido, que ocupa a vice-liderança do Grupo 5, precisa vencer e torcer para o Potiguar/RN não vencer o Campinense/PB, em Campina Grande, no outro jogo da chave, para comemorar, com uma rodada de antecipação, a classificação para a segunda fase da Terceirona e espantar, pelo menos temporariamente, o pesadelo da Série D. Para os donos da casa, a derrota praticamente elimina qualquer chance de continuar na disputa.



Porém, para conseguir êxito em Caruaru, o elenco coral terá uma motivação extra-campo. Sabendo da importância das duas partidas decisivas que a Cobra Coral tem nesta primeira fase, um grupo de torcedores anunciou que irá premiar todo o grupo com R$ 30 mil, em caso de vitória diante da Patativa, hoje, e mais R$ 30 mil por um novo triunfo, em cima do Campinense, no próximo domingo, no Arruda.



Para a “decisão” de logo mais, o treinador Bagé não poderá contar com o volante Leandro Biton, expulso diante dos potiguares, o meia Rafael Oliveira, entregue ao Departamento Médico, com uma lesão na coxa esquerda, e o volante Marcos Mendes, por não ter havido tempo hábil para regularização da documentação do atleta. Em compensação, o técnico terá o retorno do volante e capitão da equipe, Alexandre Oliveira, recuperado de uma pancada no joelho esquerdo.



Recém-chegado ao clube e ainda se adaptando ao estilo dos seus comandados, Bagé preferiu testar duas formações no último coletivo, realizado ontem à tarde, no Arruda. Na primeira, ele optou por um esquema mais defensivo, com três volantes, promovendo a entrada de Memo no lugar de Biton, fechando o setor com Alexandre Oliveira, Gedeíl e Juninho. Na segunda metade do treinamento, o lateral-direito Rafael Mineiro foi sacado para a entrada de Bruno Costa, destaque do Ypiranga no Estadual deste ano, e Memo deu lugar ao atacante Cléo, com o time passando a atuar no 4-3-3.

terça-feira, 22 de julho de 2008

Agenda Lilás da Frente de Esquerda

Dia 23/07/08 (quarta feira)
Encontro com as mulheres das Zonais de todos os partidos.Uma representante por zonal de cada partidoLocal: Comitê da João de Barros nº 580, das 14 às 16h.
Dia 24/07/08 (quinta feira)
Café da Manhã das mulheres da RPA 4 com João da Costa,Local à ser divulgado, às 7:30
Dia 24/07/08 quinta feira
Inauguração Comitê da Majoritária na João de Barros às 19h.
Contato: Cilene Cadena 8794-9860/9635-9860

AGENDA DA FRENTE DE ESQUERDA (João da Costa)

Dia 23 de julho
15:00
Visita ao Reitor da UFRPE, Valmar Correia.
Reitoria - Rua Don Manoel de Medeiros, s/n (em frente ao campo de futebol da Universidade) - Dois Irmãos.
16:30
Caminhada no Coque.
Concentração em frente à estação do Metrô Joana Bezerra.
19:00
Plenária de Educação.
Centro Social da Soledade.

segunda-feira, 21 de julho de 2008

ESTATÍSTICAS DO ELEITORADO DE PERNAMBUCO

Eleitorado apto por Município

Abreu e Lima
75.196
Afogados da Ingazeira
26.174
Afrânio
13.276
Agrestina
17.143
Água Preta
21.250
Águas Belas
24.044
Alagoinha
9.837
Aliança
28.082
Altinho
16.898
Amaraji
17.204
Angelim
7.745
Araçoiaba
14.044
Araripina
51.401
Arcoverde
44.577
Barra de Guabiraba
9.543
Barreiros
30.968
Belém de Maria
8.188
Belém de São Francisco
12.897
Belo Jardim
53.904
Betânia
9.105
Bezerros
43.994
Bodocó
22.621
Bom Conselho
31.373
Bom Jardim
29.860
Bonito
28.285
Brejão
8.254
Brejinho
6.200
Brejo da Madre de Deus
26.627
Buenos Aires
10.171
Buíque
33.159
Cabo de Santo Agostinho
133.605
Cabrobó
21.433
Cachoeirinha
15.015
Caetés
17.232
Calçado
7.253
Calumbi
5.590
Camaragibe
104.712
Camocim de Sao Félix
13.257
Camutanga
6.695
Canhotinho
18.087
Capoeiras
15.271
Carnaíba
13.337
Carnaubeira da Penha
9.561
Carpina
49.205
Caruaru
188.527
Casinhas
11.625
Catende
25.227
Cedro
8.358
Chã de Alegria
9.703
Chã Grande
15.580
Condado
17.733
Correntes
12.523
Cortês
10.543
Cumaru
14.911
Cupira
18.505
Custódia
25.368
Dormentes
13.089
Escada
45.825
Exu
26.752
Feira Nova
13.702
Fernando de Noronha
1.766
Ferreiros
8.059
Flores
13.904
Floresta
20.082
Frei Miguelinho
9.804
Gameleira
16.340
Garanhuns
82.607
Gloria do Goitá
21.375
Goiana
54.459
Granito
4.641
Gravatá
53.489
Iati
14.727
Ibimirim
15.825
Ibirajuba
5.950
Igarassu
61.425
Iguaraci
9.608
Ilha de Itamaracá
14.845
Inajá
10.193
Ingazeira
3.253
Ipojuca
56.606
Ipubi
18.812
Itacuruba
3.741
Itaíba
18.409
Itambé
24.095
Itapetim
9.663
Itapissuma
16.781
Itaquitinga
12.396
Jaboatão dos Guararapes
388.930
Jaqueira
8.971
Jataúba
12.137
Jatobá
10.798
João Alfredo
19.092
Joaquim Nabuco
11.502
Jucati
8.560
Jupi
9.772
Jurema
10.382
Lagoa de Itaenga
15.941
Lagoa do Carro
12.127
Lagoa do Ouro
9.319
Lagoa dos Gatos
11.840
Lagoa Grande
16.853
Lajedo
22.280
Limoeiro
45.232
Macaparana
17.414
Machados
9.012
Manari
9.846
Maraial
10.060
Mirandiba
10.362
Moreilândia
7.308
Moreno
39.727
Nazaré da Mata
24.671
Olinda
289.880
Orobó
18.265
Orocó
10.300
Ouricuri
40.076
Palmares
43.683
Palmeirina
6.754
Panelas
20.532
Paranatama
7.485
Parnamirim
15.310
Passira
24.085
Paudalho
33.318
Paulista
181.734
Pedra
16.779
Pesqueira
45.779
Petrolândia
22.020
Petrolina
153.949
Poção
8.747
Pombos
16.971
Primavera
9.635
Quipapá
16.956
Quixaba
5.374
Recife
1.108.385
Riacho das Almas
15.136
Ribeirão
30.995
Rio Formoso
17.314
Sairé
10.230
Salgadinho
5.623
Salgueiro
35.684
Saloá
12.352
Sanharó
13.554
Santa Cruz
8.990
Santa Cruz da Baixa Verde
8.420
Santa Cruz do Capibaribe
47.379
Santa Filomena
9.574
Santa Maria da Boa Vista
25.429
Santa Maria do Cambucá
9.434
Santa Terezinha
8.027
São Benedito do Sul
7.909
São Bento do Una
32.306
São Caetano
27.167
São João
16.170
São Joaquim do Monte
16.662
São José da Coroa Grande
11.746
São José do Belmonte
24.780
São José do Egito
23.582
São Lourenço da Mata
68.543
São Vicente Férrer
13.490
Serra Talhada
53.512
Serrita
13.896
Sertânia
20.611
Sirinhaém
22.109
Solidão
4.815
Surubim
39.861
Tabira
19.211
Tacaimbó
10.178
Tacaratu
12.169
Tamandaré
14.832
Taquaritinga do Norte
17.200
Terezinha
4.823
Terra Nova
6.432
Timbaúba
44.448
Toritama
19.867
Tracunhaém
8.997
Trindade
17.618
Triunfo
11.327
Tupanatinga
15.339
Tuparetama
7.227
Venturosa
11.077
Verdejante
6.239
Vertente do Lério
6.653
Vertentes
12.790
Vicência
22.630
Vitória de Santo Antão
90.104
Xexéu
11.876
Total
6.067.589

sábado, 19 de julho de 2008

Specck em Arthur Lundgren I

Em caminhada pelo bairro de Arthur Lundgren I, em Paulista, o candidato à Prefeitura, Antônio Speck (PTB) deu uma declaração polêmica sobre as acusações de improbidade administrativa que vem recebendo. Em sua defesa, o petebista afirmou que não há gestor no Brasil que esteja com as contas totalmente regulares. “Na hora do aperto, a gente redireciona uma verba destinada a um setor para o outro. Tudo para não deixar o município parar. Mas isso não se caracteriza como desvio de dinheiro. Tudo é feito em benefício da cidade”, assegurou o ex-prefeito. O petebista afimou que a oposição quer se aproveitar de um fato sem força, contudo prometeu não trocar “farpas”. Ele é mais um dos candidatos que prometem fazer uma campanha com o estilo propositivo.

Porém, durante a caminhada, Speck atacou as condições da saúde pública e da educação no município. “Nós cuidávamos das escolas. As crianças tinham uma merenda de qualidade. Hoje, a Prefeitura não consegue dar continuidade ao nosso bom trabalho”, disparou. O prefeiturável afirmou que não descarta a possibilidade de tercerizar a merenda, desde que haja uma proposta “interessante”. (Folha de Pernambuco)


Editorial


O executivo brasileiro, sofre processos em alguns casos, por que querem e precisam trabalhar em determinadas áreas, mais não tem recursos, enquanto isto, sobrar em outra, desta forma, faz necessário a transferência. É preciso rever esta posição dos Tribunais, pois o Estado não pode ficar engessado da forma que estar.

Primeira pesquisa do Ibope para Prefeito do Recife

A primeira pesquisa Ibope/Rede Globo para a prefeitura do Recife, apresenta o candidato do DEM, Mendonça Filho, na liderança com 30%, Cadoca(PSC)22%, João da Costa(PT) 20%, Raul Henry(PMDB) com 7%, Edilson Silva(PSOL) com 1%, Katia Teles, 1%. Brancos e nulos chegaram a 12% e não sabem ou não opinaram 6%. Na pesquisa foram aplicados 805 questionários.

TSE recebe mais nove recursos de vereadores do Nordeste que perderam seus mandatos por infidelidade partidária

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recebeu, desde o começo de junho, mais nove recursos de vereadores de municípios do Nordeste contra decisões de Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) que decretaram a perda de seus mandatos por infidelidade partidária, com base na Resolução TSE 22.610/07, que regula esses processos.

Do total de recursos apresentados, quatro vieram de Alagoas e dois do Piauí.
O DEM e o PPS foram as legendas que mais perderam vereadores por desfiliação partidária nesses casos – dois cada um. Já PSB, PHS, PP, PTB e Prona perderam um vereador cada.

Confira, a seguir, a relação dos vereadores que perderam seus mandatos por suposta infidelidade partidária e recorrem ao TSE para reverter as decisões dos Tribunais Regionais:

AL
Barra de Santo Antônio
Tânia Maria Sales
AL
Marechal Deodoro
Cláudio Roberto da Costa Santos
AL
São José da Laje
Edson José dos Santos
AL
Maceió
José Eduardo de Almeida
MA
São Francisco do Brejão
Luiz Lira
PI
Olho d’Água do Piauí
Gonçalo Leal dos Santos
PI
Lagoa do Piauí
Fernando César Matos de Carvalho
RN
São Bento do Norte
Waldir Pereira da Silva
SE
Capela
José Carlos Lopes

quinta-feira, 17 de julho de 2008

AGENDA DA FRENTE DE ESQUERDA

Sexta, 18 de julho de 2008.

11:30 – 14:00
Visita e Almoço ao Shopping Boa Vista
Shopping Boa Vista
15:00 – 17:00
Circuito do Centro.
Centro da Cidade Rua Sete de Setembro, Praça Maciel Pinheiro e Praça do Diário
18:30 – 20:00
Sessão Solene de Posse da Nova Diretoria da FIEPE.
Casa da Indústria - Av. Cruz Cabugá 767 - Santo Amaro.
Sábado, 19 de julho de 2008.

07:30 – 11:30
Café da Manhã, Panfletagem e Pinga Fogo em Casa Amarela.
Mercado e Feira de Casa Amarela.
17:00 – 19:00
Caminhada em Jardim São Paulo.
Concentração: R. Italacy - Vila Real (Próximo ao Metrô do Barro) até a Praça de Jardim São Paulo.
Domingo, 20 de julho de 2008.

09:00 – 13:00
Carreata na Zona Norte.
Concentração: Canal do Arruda (Ao lado do Campo do Santa Cruz). Roteiro: Arruda, Água Fria, Bomba do Hemetério, Vasco da Gama, Nova Descoberta, Casa Amarela e Casa Forte.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Inscrições para o Projovem Urbano vão até final de agosto

As inscrições para o programa Projovem Urbano foram prorrogadas até o dia 30 de agosto. Os interessados devem procurar a coordenação municipal do programa, na rua 10 de Novembro, 73, Carmo, Olinda, das 8h às 13h.

O Projovem oferece aos jovens de 18 a 29 anos que saibam ler e escrever mas não concluíram a 8ª série a oportunidade de terminar o ensino fundamental. Além disso, o programa, que tem duração de 18 meses, oferece uma bolsa de R$ 100 e cursos de qualificação profissional em arte e cultura, alimentação, turismo e hotelaria.

Curso de linguagem jurídica em negociações internacionais com inscrições abertas

Já estão abertas as inscrições para o curso Legal English, uma capacitação em linguagem jurídica na área de negociações internacionais, promovido pela Amcham-Recife (Câmara Americana de Comércio no Recife) e pela Associação Brasil América (ABA). As aulas vão acontecer nos dias 29, 30 e 31 de julho.

O curso, que integra o Programa Amcham de Capacitação Executiva (PACE) e conta com apoio da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), será ministrado por Gabriela Figueiras, especialista na área de direito societário e contratos internacionais e professora de inglês formada pela Yale Law School e na San Diego State University dos Estados Unidos.

O público-alvo são os advogados, estudantes de direitos e executivos ligados ao meio jurídico interessados em compreender o vocabulário utilizado no direito internacional. A capacitação vai ajudar a desenvolver nos participantes a capacidade de interpretar textos jurídicos em inglês, assim como elaborar textos legais na língua.

A inscrição custa R$ 250 para sócios da Amcham-Recife e alunos da ABA, e R$ 400 para os demais interessados. Outras informações pelo telefone (81) 2101-7450 ou pelo site www.amcham.com.br.

Serviço
Curso de Legal English da Amcham-Recife
Quando: 29, 30 e 31 de julho
Onde: Associação Brasil América (ABA), na Av. Rosa e Silva, 1510, Recife
Inscrições: R$ 250,00 (sócios da Amcham e alunos da ABA) e RS 400,00 para os demais interessados
Informações: (81) 2101-7450 ou pelo site www.amcham.com.br

Eleitorado brasileiro cresceu 3,7% desde as eleições de 2006

O eleitorado brasileiro cresceu 3,7% desde as últimas eleições, passando de 125.764.981 em 2006 para 130.469.549 este ano. São Paulo ocupa a liderança entre os estados com o maior número de eleitores do país. Do total de eleitores brasileiros, 29.143.392 estão em São Paulo, o equivalente a 22,3% do total.

Em seguida vem Minas Gerais, com 14.070.606 eleitores (10,8% do total), Rio de Janeiro, com 11.259.336 (8,6%), Bahia com 9.153.703 (7%) e Rio Grande do Sul, com 7.925.459 eleitores (6,1%). Já Roraima é o estado com o menor número de eleitores, 247.792.
As informações foram divulgadas pelo secretário de Tecnologia e Informação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Giuseppe Dutra Janino, em entrevista concedida à imprensa.
Segundo turno
Mais três cidades – Guarujá (SP), Uberaba (MG) e Rio Branco (AC) - atingiram mais de 200 mil eleitores em 2008 e podem vir a ter segundo turno nas eleições deste ano. O segundo turno somente é permitido no município com mais de 200 mil eleitores, segundo a Lei n 9.504 de 1997.
Registro de candidaturas

O total de pedidos de registro de candidatura para prefeitos, vice-prefeitos e vereadores que entrou no sistema do TSE até o momento foi de 371.030, informou o chefe da Secretaria Judiciária do TSE, Jorge Marley, que também participou da entrevista coletiva.
O secretário Jorge Marley informou que são 15.094 candidatos a prefeitos e 340.831 candidatos a vereador, de acordo com a última atualização do sistema de estatística do TSE. Segundo ele, esses números podem ainda sofrer alteração durante o processo de tramitação dos pedidos na Justiça Eleitoral.
Os candidatos vão concorrer nas eleições deste ano a 5.563 vagas de prefeitos e vice-prefeitos e a 52.137 vagas cadastradas nas Câmaras Municipais do país.
ET/MM